Vivendo e mudando a Escola em conjunto com os professores de Benfica e do Lumiar

previous arrow
next arrow
Slider

A formação “Viver e Mudar a Escola em Conjunto”, que arrancou no início do presente ano letivo, está agora quase no fim. Os dias 26 de outubro e 30 de novembro foram passados em grupos de trabalho, a fim de levar a cabo os processos de Investigação-Ação que a formação propõe. 

Esta dá-se no âmbito do projeto Escola, ser Vivo dentro de um Ecossistema, e está divida em 4 módulos, sendo direcionada para os docentes dos Agrupamentos de Escolas a ele associados: AE de Benfica e AE Lindley Cintra. É organizada pela FGS e o CIDAC, em parceria com o Centro de Formação Professor Orlando Ribeiro, da Associação Portuguesa de Geógrafos

O ponto central destes dois momentos formativos foi dar continuidade aos trabalhos práticos de investigação de problemáticas a trabalhar para a transformação das escolas, identificadas nos primeiros módulos da formação. 

Partindo do espaço e das aprendizagens da formação, os grupos de docentes estão a pôr em prática um plano de investigação sobre as problemáticas identificadas junto das respetivas escolas e dos seus membros. Desde questionários, inquéritos, entrevistas, debates, conversas informais, mapeamentos de espaços, são várias as formas como estes temas estão as ser investigados para, a partir de janeiro de 2020, serem elaborados novos planos, desta vez para agir. Juntos – estudantes, docentes, encarregados de educação, direção, e membros das organizações participantes da comunidade escolar – estamos a promover uma transformação conjunta da Escola, enquadrada na Educação para o Desenvolvimento e para a Cidadania Global.