Projeto Somos Moçambique entrega kits de higiene e segurança em jardins de infância

previous arrow
next arrow
Slider

No âmbito do apoio excecional concedido pela Fundação Calouste Gulbenkian ao projeto Somos Moçambique II, foram identificadas, com a Arquidiocese da Beira, cinco estruturas de educação e proteção a serem apoiadas com material de higiene e proteção que contribua a sua reabertura e o funcionamento em condições de segurança, tendo em conta a fase de pandemia COVID 19 e as condições definidas pelas autoridades moçambicanas.

As cinco estruturas identificadas localizam-se na cidade da Beira: Jardim de Infância Sagrado Coração de Maria, Jardim de Infância Santa Clara de Assis, Creche Pré-Escolar João XXIII, Jardim de Infância  Santa Maria Amandina, Lar São Jerónimo, abrangendo um total de 582 crianças e seus cuidadores.

Esta iniciativa integra-se nas atividades do Projeto Somos Moçambique II – componente de Educação de Infância. O Projeto surge na continuidade do Projeto Somos Moçambique I e da vontade do Consórcio Somos Moçambique (FGS – Fundação Gonçalo da Silveira, VIDA – Voluntariado Internacional para o Desenvolvimento Africano e FEC – Fundação Fé e Cooperação), reforçada pelos parceiros locais (Arquidiocese da Beira e Direção Distrital de Educação), em contribuir para a redução de vulnerabilidade das populações atingidas pelo ciclone Idai (abril de 2019), reforçando a sua competência nas áreas da saúde, educação e geração de rendimentos.

O Projeto Somos Moçambique II é financiado pelo Camões- Instituto da Cooperação e da Língua, Fundação Calouste Gulbenkian e Fundos da Campanha Somos Moçambique.