Tecnologia livre de conflito

A FGS e a FEC associaram-se à ONG jesuíta ALBOAN na divulgação da sua campanha Tecnologia livre de Conflito. “O que esconde o seu telemóvel?” é o ponto de partida desta campanha que quer evidenciar a relação entre os telemóveis, tablets e computadores e a violência no leste da República Democrática do Congo. Pretendemos alertar para formas simples de ajudar a acabar com a guerra no Congo e ao mesmo tempo sensibilizar para um uso mais consciente e responsável da tecnologia.

 

O que é a Tecnologia Livre de Conflito?

Para além do custo económico, os telemóveis têm custos sociais e ambientais. Um telemóvel convencional contém entre 500 e 1.000 componentes diferentes sendo que a sua extração e processamento gera cerca de 75 kg de resíduos por cada telefone. Alguns desses componentes são recursos caros e escassos e estão relacionados com abusos sociais e ambientais.

Um exemplo é a obtenção de tântalo, extraído a partir de um mineral chamado Coltan. No Congo estão 80% das reservas mundiais deste mineral, usado na maioria das componentes eletrónicas dos equipamentos portáteis como telemóveis e computadores.

Este é um dos minerais designados por “minerais de conflito” ou, mais cruamente, “minerais de sangue” e a sua extração está ligada à violação de direitos humanos, à destruição ambiental e ao financiamento de conflitos na região.

 

O que pode fazer?

ASSINAR A PETIÇÃO: a favor de uma diretiva europeia que impeça a compra de minerais oriundos de zonas de conflito armado. Assine aqui

USAR TELEMÓVEIS DE FORMA RESPONSÁVEL:  prolongando a sua vida útil e ajudando a reduzir o impacto da extração mineira no Congo.

INFORMAR-SE: no site da Campanha pode encontrar mais informação sobre este assunto, materiais audiovisuais e propostas de ação concreta para ajudar a tornar a tecnologia livre de conflito. Veja aqui.

 

 

 

A FGS e a ALBOAN são Organizações Não Governamentais para o Desenvolvimento (ONGD) jesuítas que integram a Rede Xavier.